terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Gol quadrado tunado


Um dos maiores sucessos da indústria nacional, o VW Gol fez sua história e ainda hoje cativa inúmeros fãs, principalmente em suas versões esportivas. A história não foi diferente com Cristiano e Renato, dois amigos que tratam seus exemplares a pão-de-ló e muito zelo.O primeiro carro nacional com injeção eletrônica chegou ao mercado causando furor e quebrando alguns paradigmas. A carroceria "quadrada" que tanto agradava aos entusiastas, recebera no ano de 1988 o mesmo motor do VW Santana de quatro cilindros e 2.000cc equipado com a injeção Bosh LE-Jetronic, o GTi passara a desenvolver 112cv @ 5.600Rpm com torque de 17,5Kgfm @ 3.400Rpm. Com o motor AP-2000i do Santana e uma carroceria de pouco mais de 1.000kg, o VW Gol GTI era capaz de acelerar de 0 a 100km/h em 9,2 segundos e atingir a velocidade máxima de 185km/h. Estas marcas ajudaram a contruir a imagem de carro esportivo que a VW tanto desejara.

Em 1991 a linha Gol ganhara novos traços e, principalmente, novas rodas. Herdadas do carro-conceito Orbit, as famosas rodas orbitais foram incorporadas aos GTI. Com novos traços arredondados nos faróis, mas sem descaracterizar a linha, a versão GTI ia ganhando cada vez mais admiradores mesmo com a chegada dos Ford Escort XR3 e Chevrolet Kadett GSI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário